Confira agora para que servem os antibióticos

Neste artigo falaremos sobre os antibióticos, o que são e para que servem. Sua aparição foi revolucionária na medicina, pois antes disso muitas pessoas vinham a óbito devido diversas complicações causadas por diversas infecções diferentes.

O que são e para que servem os antibióticos?

Antibióticos são agentes químicos com propriedades de retardo e combate a infecções bacteriológicas, sendo assim seu uso é específico e devido apenas em casos de infecções da mesma.

O que são e para que servem os antibióticos?
Fonte/Reprodução: original.

Apesar de seus benefícios, sabemos que o uso excessivo de várias dessas medições criou uma nova variável nesse combate infeccioso, pois algumas dessas bactérias resistem a alguns tratamentos, fazendo com que a substância tenha que ser substituída por uma mais forte para que funcione.

Quais os antibióticos mais usados?

Os antibióticos mais usados hoje em dia são: penicilina e suas variantes, quinolonas e suas variantes e macrolídeos e suas variantes.

Penicilina

Como primeiro antibiótico criado foi a base de pesquisa de diversos outros que se assemelham à estrutura tendo como principais derivados de sua base.

  • Amoxicilina;
  • Ampicilina;
  • Carbenicilina;
  • Cloxacilina;
  • Azlocilina.

Contudo tem pouca utilidade hoje em dia pelo fato de que devido seu tempo maior no mercado tem um maior índice de resistência por parte dos diferentes tipos de bactérias.

Quinolonas

Essa em si, tem uma utilização mais concentrada em tratamento de infecções intestinais como diarreias e infecções urinárias, contudo ainda é bem eficaz no tratamento de pneumológico.

  • Ciprofloxacina;
  • Ofloxacina;
  • Lomefloxacina;
  • Moxifloxacina;
  • Norfloxacina.

Remédios indicados para infecções.

Macrolídeos

Geralmente utilizado em casos ventilatórios, na maioria das vezes, em conjunto com cefalosporina ou penicilina e outros casos como substituto da penicilina para pacientes alérgicos.

  • Azitromicina;
  • Claritromicina;
  • Eritromicina.

Esses são os macrolídeos.

Qual o uso correto dos antibióticos?

Esse uso indevido se dá às vezes em que os antibióticos são utilizados em tratamentos de infecções não bacterianas, um exemplo podem ser os resfriados, outras situações podem ser a superdosagem (doses maiores que o necessário) ou o tratamento longo demais.

Qual o uso correto dos antibióticos?
Fonte/Reprodução: original.

Em alguns outros casos essas substâncias usadas de forma indiscriminada podem trazer males até piores que resistência das bactérias as medições, seriam chamadas de efeito colateral. Isso porque em alguns casos a medicação precisa ser tão forte que ataca órgãos como os rins, coração, sistema gastrointestinal e às vezes até seus músculos e pele entre alguns outros.

Dessa forma tais medicações devem apenas ser utilizadas sobre prescrição do seu médico e durante o período designado na receita, caso contrário pode te trazer males mesmo que tenha resolvido seu problema de saúde inicial.

Qual o antibiótico mais forte que existe?

Os antibióticos mais fortes conhecidos são os Aminoglicosídeos e suas variantes. Eles têm utilização majoritariamente intra hospitalar, devido administração exclusivamente venosa (instado pela veia).

Ministrado quase que exclusivamente em quadros infecciosos graves com algumas ressalvas de uso tópico ou colírio. Suas variações são:

  • Amicacina;
  • Gentamicina;
  • Neomicina;
  • Estreptomicina;
  • Tobramicina.

De forma geral podemos ver que os antibióticos são de grande utilidade e serventia no nosso dia a dia no tratamento de doenças, mas não podemos esquecer que eles devem ser tomado sempre segundo orientações médicas para tenhamos um menor volume de resistência aos tratamentos, para não haver necessidade de medicações mais forte e agressivas ao nosso organismo.

Deixe um comentário